Como usar um aparador com elegância na decoração da sua casa

Sabe aquelas peças que dão um charme especial para a casa e que também entregam funcionalidade para o ambiente? O aparador certamente é uma delas! 

Geralmente colocado no hall de entrada das residências, hoje em dia o aparador pode ser acomodado em qualquer ambiente da casa, funcionando como um móvel auxiliar, além de trazer mais personalidade para a sua residência.

Está pensando em redecorar a casa ou adquirir algum móvel para dar uma mudada no ambiente? Então continue acompanhando o conteúdo que a Terraz Aluguel Digital preparou algumas dicas de como usar um aparador com muita elegância e bom gosto na sua decoração!

Boa leitura 😉

1. Modelos de aparador

Em primeiro lugar, vamos trazer alguns modelos para que você possa diferenciá-los, para depois escolher em qual cômodo da casa o aparador fica melhor.

Vamos lá!

Aparador de madeira

A madeira é um material que combina com (quase) tudo e contribui para que o cômodo tenha uma atmosfera de sobriedade, aconchego e conforto

Se você optar por um aparador de madeira maciça, esse efeito se potencializa ainda mais. Porém, saiba que por ser um material natural e orgânico, a madeira precisa de alguns cuidados específicos, como  uma camada de verniz, por exemplo, para trazer mais proteção e durabilidade. 

Há também no mercado a opção mais em conta, que são os compensados em MDF e MDP. Se você já tem outros móveis de madeira no cômodo, essa pode ser a escolha ideal. 

Aparador de ferro

Um aparador de ferro ou outro tipo de metal com certeza vai dar um ar de modernidade para o seu lar. Ainda mais se o ferro for escurecido, ou com algum tom mais fechado. O aparador de ferro se destaca pela sua durabilidade. 

Nesse caso, o tampo poderá ser de outro material mais delicado, como o vidro, ou robusto, como o mármore. De qualquer forma, a mistura trará mais sofisticação para a sua decoração.

Aparador com espelho

Se você não abre mão de um espelho, seja na sala, ou no quarto, você pode combinar o aparador com algum espelho na horizontal. Essa é uma solução que “aumenta” o ambiente, proporcionando uma sensação de ampliação do espaço

Apenas fique atento para que a moldura do espelho (se houver!) combine com o material e com a cor do aparador. Geralmente o espelho é colocado acima do aparador, pendurado na parede.

Aparadores de vidro

O aparador de vidro é uma opção que traz uma atmosfera mais clean para o ambiente, porém tem a desvantagem de ser mais frágil, oferecendo o risco de lascar ou até quebrar. 

Mas, se você se considera uma pessoa cuidadosa, por que não? Os móveis de vidro são ótimos em espaços pequenos, porque passam a sensação de não ocupar muito espaço. 

Mora em um imóvel pequeno e quer saber como aproveitar bem o espaço? Confira o conteúdo Morar em um cômodo: como decorar um espaço pequeno e saiba mais!

2. Como escolher um aparador?

Agora que você já tem uma ideia de quais os modelos de aparadores disponíveis no mercado e já consegue imaginar qual se encaixaria melhor na sua casa, que tal mais algumas dicas para afinar melhor essa escolha?

Quando adquirimos um móvel é essencial saber qual tamanho ele ocupará na sua casa. Geralmente, os aparadores têm uma altura de 85 cm e uma profundidade que pode variar de 30 a 60 cm. Quanto ao comprimento, pode variar bastante, de 1,5 m a 3 metros. 

Dessa forma, se você quer colocar o aparador na sala e dispõe de um espaço pequeno, escolha um material que não seja tão robusto, como a madeira. Assim, você pode optar por um móvel um pouco maior, já que uma estrutura mais leve irá fazer com que o móvel não ocupe tanto espaço assim.

Já se espaço não é um problema, você tem total liberdade para escolher, lembrando que móveis de vidro acabam não preenchendo o espaço da melhor forma, nesse caso. 

Quando o assunto é decoração, tudo depende do bom senso (e também de uma boa dose de pesquisa e referências antes!).

3. Como usar um aparador?

Se você já escolheu o modelo de aparador, então agora vamos à próxima pergunta: como usar esse móvel?

Você pode dar uma função estritamente decorativa para o seu aparador – colocando objetos como porta-retratos, vasos para plantas, itens de decoração como estátuas e quadros – ou você pode torná-lo funcional, organizando livros e itens que você usa no dia a dia como aparelho de jantar, por exemplo.

Já dissemos que o aparador é muito versátil? Você também pode usar o aparador como um minibar, colocando as bebidas, taças e copos, ou até mesmo colocando uma máquina de café e as respectivas xícaras. 

Se você optar por colocá-lo na sala de jantar, ele pode desempenhar a função de buffet em um evento: um espaço em que as pessoas podem se servir, quando você reunir convidados na sua casa.

Outra forma muito comum é usar o aparador atrás do sofá, como forma de delimitar o ambiente. Para que fique harmônico, procure escolher um aparador que tenha uma altura próxima do sofá da sua casa, por exemplo. 

Alguns móveis são bastante versáteis e podem ser usados para delimitar espaços e dividir os ambientes. Para saber mais sobre o assunto, confira o conteúdo 10 dicas de como dividir o seu quarto em dois (LINKAR), publicado aqui no blog. 

Como mencionamos no início do texto, originalmente o aparador servia como um móvel que “recepcionava” as pessoas. Você também pode usá-lo dessa forma. 

Nesse caso, ele tem uma função decorativa, mas também é o espaço em que as pessoas deixam as chaves e outros objetos que costumam tirar do bolso quando chegam em casa. Aqui, o aparador pode ter também algum suporte para bolsas e outros objetos pequenos.

E então, gostou das dicas da Terraz Aluguel Digital? Além de ajudá-lo a encontrar o melhor imóvel, também auxiliamos a montar o seu lar, do jeitinho que você sempre imaginou.