Piso de taco: quais as vantagens e desvantagens desse tipo de revestimento

O piso de taco é um revestimento bastante comum em imóveis mais antigos, construídos entre as décadas de 1950 e 1960.

Por oferecer durabilidade e proporcionar uma atmosfera aconchegante, o piso de taco é um revestimento que voltou a cair no gosto do público, graças a sua pegada vintage e retrô. 

O piso de taco é feito a partir de madeira, com tábuas maciças que, antigamente, não tinham as dimensões adequadas para serem aplicadas na construção de um piso com peças únicas. 

Quer saber mais sobre esse tipo de revestimento e se vale a pena aplicá-lo no seu imóvel? Então acompanhe o conteúdo que a Terraz Aluguel Digital produziu para você.

Como identificar um piso de taco?

O piso de taco pode ser feito a partir de diversas espécies de madeira. As mais usadas são a amêndola, ipê, jatobá, cumaru e perobinha. As peças de madeira utilizadas geralmente têm as seguintes dimensões: 7 x 35 cm, 7 x 42 cm e 10 x 40 cm.

Você pode encontrar um piso de taco uniforme ou com peças de diferentes cores e tamanhos, formando um belo mosaico. 

Hoje em dia é possível encontrar no mercado tábuas feitas a partir de madeiras sustentáveis ou a partir de madeira de demolição (madeira retirada de antigas construções).

Normalmente, as peças de madeira são tratadas com resina e não é necessária a aplicação posterior de sinteco ou cera como forma de acabamento, por exemplo, tornando a sua instalação mais simples. 

Para que a instalação seja feita com sucesso na sua casa ou apartamento, é preciso haver um contrapiso seco e bem nivelado, para evitar que as tábuas rachem, empenem (curvem) ou absorvam umidade e estufem. Geralmente as tábuas são aplicadas no piso com cola PVA.

Quais as vantagens do piso de taco?

  • Versatilidade e sensação de conforto 

O piso de taco traz mais elegância e também conforto e uma sensação de aconchego que só a madeira pode proporcionar. Se você optar por restaurar ou aplicar alguma pintura, poderá deixá-lo mais moderno. 

Lembre-se que cores mais claras dão um efeito de expansão no ambiente, já cores mais escuras dão a impressão de diminuir o espaço.

O piso de taco é também bastante versátil, já que a madeira é um material que combina com diferentes estilos de decoração.

Além disso, a madeira proporciona conforto acústico a sua casa, já que absorve bem os ruídos do ambiente e também bloqueia bem os sons externos. 

  • Boa durabilidade

O piso de taco tem um tempo de vida útil médio de 50 anos. Quanto maiores as peças, mais fácil será estender esse tempo. 

Esse aspecto irá contribuir para a valorização do seu imóvel (claro que a conservação e o aspecto do piso conta muito para isso também), seja no caso de venda ou de locação.

Tem um imóvel que deseja usar como forma de investimento? Então confere o conteúdo Dicas para você proprietário alugar mais rápido, que publicamos aqui no blog da Terraz. 

Se você quiser mais durabilidade e estabilidade física, escolha tábuas mais grossas. Peças maiores duram mais, nesse caso. 

  • Fácil manutenção e restauração

A limpeza e os reparos são os principais cuidados que você deve ter para deixar o piso sempre impecável. As indicações básicas são: utilizar o mínimo possível de água para evitar o descolamento ou escurecimento do assoalho.

Você também deve optar por aplicar produtos específicos para limpeza de piso de madeira, sempre com um pano seco. Evite usar produtos de limpeza comuns, como desinfetantes, que podem mudar a coloração do seu piso. 

Além disso, é preciso algum cuidado para proteger a parte inferior dos móveis para que não risquem ou arranhem seu piso ao serem movimentados. Você encontra protetores com esse fim em lojas de móveis ou decoração. 

Quanto à necessidade de restauração, o piso de taco deve ser lixado ou raspado para a aplicação de sinteco ou verniz, após 10 anos, em média. O número máximo de restaurações são três: mais do que isso, o recomendado é trocar as peças, para evitar o desgaste.

Quais as desvantagens do piso de taco?

A compra e aplicação desse material pode ter um custo elevado, por se tratar de madeira maciça. O valor costuma ser mais alto que pisos frios como cerâmica ou porcelanato. 

Se você contratar uma empresa para instalar, o custo da mão de obra também é superior. Porém, a durabilidade pode acabar compensando esse aspecto. Outro ponto é que o trabalho de instalação pode ser demorado, então se você tiver pressa para que a obra seja concluída, melhor pensar duas vezes. 

Outra desvantagem é que mesmo que você tenha o maior cuidado do mundo, pode ser que o piso de taco acabe arranhando, em algum momento. Tenha isso em mente quando decidir por esse revestimento. 

Posso personalizar o piso de taco?

Pode sim! Uma sugestão para dar um ar mais moderno e arrojado para a sua decoração é instalar rodapés altos, de 15 a 20 cm, de cor branca.

Se você gosta de decoração e de dar uma repaginada no seu imóvel de tempos em tempos, confira o conteúdo #Decor: passo a passo de como pintar azulejos

Você também pode escolher um tom presente no seu piso e utilizá-lo na decoração da casa, seja no revestimento das paredes ou até nos móveis.

E então, gostou de saber mais sobre o piso de taco, suas vantagens e desvantagens e se vale a pena adotar esse revestimento no seu imóvel? Esperamos que sim!

E se você quer alugar sua casa ou apartamento, de forma rápida, ágil e sem burocracia, procure a Terraz! Somos uma das primeiras imobiliárias digitais do mercado e nossa equipe é reconhecida pela excelência no atendimento e satisfação dos nossos clientes. 

Se você anunciar conosco, a taxa cobrada inicialmente pela imobiliária cobre a realização de fotos profissionais do imóvel para o anúncio no site e o proprietário também tem a opção de anunciar de forma exclusiva conosco ou não. 

Entre em contato conosco pelo site e tire todas as suas dúvidas com a nossa equipe.