#PrimeiraVisita: checklist do que você deve levar em conta ao visitar um imóvel

Sabemos como é difícil encontrar o imóvel dos sonhos. Mas, para ajudar você a tornar esse desejo realidade, a Terraz Aluguel Digital elencou algumas dicas de itens para ficar atento/a quando fizer a sua primeira visita ao imóvel.

Ao avaliar o imóvel que você está considerando alugar com atenção, você evita dores de cabeça que possam surgir mais para frente. Há vários itens para se levar em consideração, como a estrutura do imóvel, localização e segurança, por exemplo. 

Quer entender melhor o que estamos falando? Então nos acompanhe!

 

Faça uma lista dos prós e contras do local

Nenhum imóvel é perfeito. Às vezes aquele apartamento super espaçoso não tem uma posição solar muito boa, ou a sua localização deixa um pouco a desejar. 

Para tomar uma decisão com base nos fatos, faça uma lista do que você gostou e não gostou tanto assim na casa ou no apartamento.

Avalie a entrada de luz natural; qual a posição solar do espaço, se pega luz pela manhã ou à tarde, o que torna o imóvel mais quente; como é a vista; como é a disposição dos cômodos; qual a localização. Ao fazer uma análise minuciosa, você tem menos chances de se arrepender da decisão que tomar mais para frente. 

Aqui na Terraz, as primeiras visitas são guiadas por um host ou anfitrião, alguém que mora no bairro em que está localizado o imóvel e sabe quais são os seus pontos fortes. Por isso, não hesite em fazer perguntas para ele ou para o consultor com quem você está conversando. 

Se o condomínio e o proprietário do imóvel permitirem, você poderá fazer a visita sozinho, para ter mais privacidade. De qualquer forma, avalie como é o clima na vizinhança. Infelizmente não é possível fazer um “test drive” do imóvel, morar alguns dias ali para saber como é a experiência. Então pergunte para os vizinhos como é viver ali, se o bairro é tranquilo e seguro, por exemplo. 

Avalie também a infraestrutura que a rua e o bairro oferecem para você: se há supermercado, farmácias e armazéns próximos. Se você tem filhos, veja se tem creches ou escolas por perto. A necessidade de se deslocar menos faz toda a diferença na rotina!

 

Pense em formas de aproveitar o espaço

Nesses meses de pandemia, a procura por imóveis com espaços híbridos e com escritório aumentou muito, já que muitas pessoas seguem trabalhando no formato home office. 

O caráter multi uso dos espaços é algo que vem sendo cada vez mais valorizado, seja um living room conectado com a cozinha, em que os moradores possam passar tempo de qualidade no mesmo espaço, seja um escritório situado no quarto. E isso é válido especialmente para imóveis menores. 

Mesmo que os espaços não estejam colocados dessa forma, use a imaginação e visualize uma função para cada cômodo. Isso pode ser importante para aproximar a sua ideia de lar da realidade que o imóvel oferece. 

Seja criativo/a e tente imaginar como ficaria o imóvel se você morasse ali.

 

Fique por dentro das regras do condomínio

Algumas regras podem valer para todos os condomínios, como a Lei do Silêncio a partir das 22h, descrita no Código Civil brasileiro. Porém, cada edifício tem o seu próprio conjunto de normas. 

Avalie isso com a imobiliária ou com o próprio síndico antes de fechar negócio. Com relação aos pets, por exemplo, de acordo com a legislação não é permitido à gestão condominial proibir ou impor limites de portes aos animais de estimação. Porém, a circulação dos pets nas áreas comuns do condomínio pode ser restrita. 

Avalie também qual o custo mensal do condomínio. A água e o gás também estão inclusos na conta? Como é feita a medição da água, ela varia de acordo com o tamanho do imóvel? Como é feita a divisão dos gastos com reformas e benfeitorias nas áreas comuns? Existe um fundo de obras, com valores cobrados mensalmente, ou os custos são cobrados somente quando há uma reforma? 

Pergunte à imobiliária essas questões e não fique com dúvidas, já que tudo isso pesa no orçamento. Nesse caso, nossa dica é: tire todas as suas dúvidas antes de fechar negócio!

 

Avalie a estrutura hidráulica e elétrica

Esse é um item que pode pegar muita gente de surpresa, já que pode passar despercebido na primeira visita.

Peça à imobiliária ou ao consultor informações sobre o funcionamento de água no apartamento, onde ficam localizados todos os registros e se há histórico de algum problema de vazamento.

Mesmo que o anfitrião não tenha todas as informações, fique atento a manchas nas paredes ou no teto, rachaduras ou azulejos estufados (descolados da parede) no banheiro ou na cozinha, características que podem indicar infiltração. Se você chegar a fazer um contrato de locação, avalie esse item na documentação da Vistoria de Entrada.

Na Terraz Aluguel Digital, a Vistoria de Entrada é feita por uma empresa parceira terceirizada, especializada nesse segmento. Para saber mais sobre a Vistoria de Entrada, clique aqui

Quanto à parte elétrica, avalie a voltagem de todas as tomadas e tente descobrir há quanto tempo foi feita a última manutenção (o recomendado é que seja feita a cada cinco anos). Quanto mais tempo tiver o imóvel, mais necessário é avaliar esse item, já que uma estrutura antiga talvez precise ser substituída em breve. 

Você também pode perguntar se foi realizada alguma reforma recentemente no imóvel, para saber o que foi alterado na sua estrutura e se precisa ficar atento a isso. 

Essas são as nossas dicas para elaborar um checklist infalível para a sua primeira visita no imóvel! E conte sempre com a ajuda dos consultores da Terraz para tirar qualquer dúvida, seja sobre a visita ou sobre o imóvel que você está pesquisando.

Nossa equipe terá o prazer de atender você. Se está procurando um imóvel para alugar em Florianópolis ou em São Paulo, conte com a expertise e a agilidade da Terraz, a primeira imobiliária digital de Santa Catarina.